Ame a Palavra de Deus

Posted: quarta-feira, 11 de janeiro de 2012 by Sung Ho in Marcadores:
1

A história começou com Deus. A história começou com Ele, mas Ele mesmo não teve começo: Ele é aquele que chamamos de Eterno. A história começou quando Deus resolveu criar tudo o que temos dentro e fora do nosso campo de visão. Ele poderia viver e existir muito bem sem nada do que existe: anjos, pessoas, animais, planetas, universo. Mas Ele resolveu colocar em ação sua criatividade fazendo aparecer, não se sabe de onde, todas as coisas. “Em primeiro lugar, Deus criou o céu e a terra” (Gn 1:1 A Mensagem), escreveu Moisés em seu primeiro livro, o Gênesis.
Esse ser Criador de todas as coisas também poderia ter tomado uma atitude totalmente alheia em relação à toda sua Criação. Bastava programar todas as coisas como um relógio. Mas não. Deus resolveu não somente criar mas interagir com as suas criaturas. Sim, nada do que foi criado foi feito sem um propósito claro: Deus queria que tudo revelasse a Sua Glória. 
O Planeta Terra, toda biosfera, todos os animais e seres vivos foram criados dentro de um perfeito plano sob a mais perfeita arquitetura que somente um Deus que tudo sabe pode fazer. Deus foi além, e, de acordo com Gênesis, Ele criou o primeiro ser humano, à sua imagem e conforme a sua semelhança, da terra. Depois foi a vez da mulher. Esse Deus deu o domínio de todas as coisas a esse casal esperando deles apenas uma coisa: que Eles obedecessem à Sua Palavra!
Sim! Deus fala! Não há Verdade mais impressionante do que esta: Deus fala com sua criação. Deus se comunica e Deus se relaciona. Deus disse e tudo veio a existir, porém, Deus pôs as mãos na massa para fazer o homem, para depois poder falar com ele! Deus fez especialmente a humanidade para que pudesse ter parte em sua história. Essa é a história desse livro, a Bíblia Sagrada.
Quando pegamos esse livro, que demorou mais de 1.500 anos para ser escrito, passou pela mão de mais de 40 autores, atravessou séculos, foi queimado, proibido, lido de maneira indevida, violado, respeitado porém não obedecido, podemos ter duas atitudes: ama-lo ou simplesmente ignorá-lo. Quando falamos de bases da nossa vida cristã, não podemos deixar de fora a Bíblia Sagrada, porque é Nela que Deus escreveu a Sua história com a humanidade e deixou registrado a sua vontade, a sua palavra. Eu acho isso tremendo, porque Deus nos ama tanto que deixou escrito uma obra que pudesse conter tudo o que precisamos saber a respeito de Deus, para amá-lo e adorá-lo.
Ame a Palavra de Deus. Quando eu era criança ouvi um pastor dizendo assim: “Bíblia fechada pode ser um livro qualquer, mas Bíblia aberta é Deus falando com você”. Meus irmãos, como é precioso saber que Deus fala conosco. Como é “sem preço” saber que nosso Deus responde todos os nossos anseios de maneira clara, sem rodeios, tudo isso na Bíblia. John Wesley, pregador inglês do séc. XVIII disse: “Ó dê-me esse livro! Por qualquer preço, dê-me o livro de Deus. Eu a tenho e é o conhecimento suficiente para mim. Deixe-se um “homo unius libris”!”.
Amados, a razão do Cristianismo ser tão irrelevante no mundo em que nós vivemos é porque não amamos a Palavra de Deus como a coisa mais preciosa, como o presente mais valioso dado pelo nosso Deus! Nossa vida cristã terá a exata temperatura e o exato calibre de quanto amamos a Palavra e a colocamos como norteado de nossas vidas! O mundo não se cansa de colocar dúvidas sobre a Palavra de Deus, porém, nós, cristãos, Filhos de Deus, cremos Nela a qualquer custo, pois cremos que é a Revelação de Deus para a salvação do homem.
Quando falamos em Bíblia, mesmo sabendo de sua importância, tendemos a considerá-lo como algo “chato”, “incompreensível”, de “difícil leitura” e longe da nossa realidade. Esses dias mesmo estava lendo o Salmo 119, um Salmo de exaltação da Palavra de Deus, e no versículo 103 está escrito: “Como são doces para o meu paladar as tuas palavras! Mais que o mel para a minha boca!”. Nos tempos da Bíblia, o chocolate ainda não havia sido inventado. Que tal relermos esse versículo como: “Como são saborosas as tuas palavras, são como um bom pedaço de chocolate belga derretendo dentro da minha boca”. 
Bíblia + Prazer. Essa é a grande transformação que ocorre em nossas vidas quando nos entregamos de verdade a Jesus. 
Quero ajudar vocês com algumas dicas hoje para tonar sua leitura bíblia prazerosa. Sim! Mas isso não vai acontecer só porque você colocou em ação essas dicas. A Palavra de Deus só vai se tornar algo extremamente valioso em você quando o próprio autor, o Espírito Santo estiver do teu lado, lendo junto com você e te fazendo entender Deus. Como eu adorava quando meus avós contavam histórias quando eu era criança. Se esses momentos eram valiosos, imagina o próprio Deus contando Sua história de amor para cada um de nós?
1. Quer ter prazer na Palavra de Deus? Então, ouça a Palavra!
O professor Paulo nos ensina em Romanos 10:17: “A fé vem por se ouvir a mensagem, e a mensagem é ouvida mediante a palavra de Cristo”.
Onde posso escutar, ouvir a Palavra de Deus? O melhor lugar é durante as mensagens e pregações. Para muitos, o momento da pregação é aquela hora de pegar no celular e mandar mensagens, entrar nas redes sociais, de fechar os olhos e pensar na vida. Mas eu posso te falar com certeza que Deus pode mudar 180º a vida de uma pessoa em um instante quando ela ouve a voz do próprio Deus durante a mensagem. Quer uma dica? Não venha com o pré-conceito da mensagem: esteja aberto sempre, crendo que Deus irá falar com você. Quando você tem a expectativa de Deus falar com você e a fome em saber a Sua vontade, milagres acontecem. Tenha sempre em mãos um caderno, um pedaço de folha para anotar, rascunhar e fixar aquilo que está sendo pregado.
Ouça a Palavra de Deus por MP3. Temos várias versões de bíblias narradas, mensagem extraordinárias na internet, testemunhos sobrenaturais. Ouça, por que é pelo ouvir que vem a fé, é pelo ouvir o que Deus tem a dizer que você conhecerá Deus e terá mais intimidade com Ele. Já disse que é um privilégio muito grande ouvir a voz de Deus, um Deus que quer se comunicar conosco. 
2. Quer ter prazer na Palavra de Deus? Então, leia a Palavra!
O apóstolo João escreveu: “Feliz aquele que lê as palavras desta profecia e felizes aqueles que ouvem e guardam o que nele está escrito, porque o tempo está próximo” (Ap 1:3). 
Eu sou uma pessoa suspeita em falar em leitura, porque eu amo ler! Quando eu tinha lá meus 10 anos de idade, eu odiava pegar em um livro para ler. Mas um dia meu avô e meu pai, vendo que as minhas notas estavam baixas, me “obrigaram” a ler. Comecei a ler um livro, alguns romances, Sidney Sheldon, livros infantis, até que, sem eu saber, aprendera a gostar de ler. 
Se ler é importante para a nossa formação como pessoas, imagina como é importante ler a Bíblia para sermos bons cristãos? Deus deu toda a sua Revelação em um livro, se não a lemos, não temos como saber, ao certo, qual é a vontade de Deus para as nossas vidas!
Aposto que muitos de vocês pensam: “não gosto de ler a Bíblia”, “não entendo a Bíblia”, “não tenho tempo para ler a Bíblia”, “acho chato ler a Bíblia”, etc. Tudo isso pode ser verdade. Mas deixe-me dizer uma coisa: A Bíblia é um livro cheio de mitos e fantasias para aqueles que não crêem em Deus. Mas para nós que o amamos e servimos, não tem sentido deixarmos nossa preguiça e preconceito nos impedirem de ler a Bíblia. E mais, muito da sua má vontade de ler a Bíblia pode ser o diabo tentando te deixar longe de Deus. Como ele faz isso? Simples, te deixando longe da Palavra!
3. Quer ter prazer na Palavra de Deus? Então, estude a Palavra!
“Os bereanos eram mais nobres do que os tessalonicensses, pois receberam a mensagem com grande interesse, examinando todos os dias as escrituras, para ver se tudo era assim mesmo” (At 17:11)
No meio das viagens missionárias de Paulo, ele visitou uma cidade chamada Tessalônica. Lá as pessoas escutaram a palavra de Deus. Porém, quando ele foi pregar o Evangelho em outra vida chamada Bereia, Paulo sentiu uma grande diferença: os bereanos não somente escutavam a Palavra, como também confrontavam direto com a Bíblia se tudo aquilo que o Paulo estava dizendo realmente era verdade, ou seja, eles estudavam a Bíblia.
Veja, que não basta ouvir, porque você pode ouvir de qualquer maneira.
Não basta ler, porque você pode ler e mesmo assim não entrar nada em seu coração.
Devemos também estudar a Bíblia!
Para um músico, estudar sobre a música, partitura, acordes, escalas, melodias, ritmos, pode ser algo extremamente difícil, mas com certeza é algo prazeiroso. Para uma estilista de moda, estudar o corte, o modelo, a roupa pode demandar muitas horas de análise, desenho, mas no fim, ela encara com alegria o resultado final, a peça de roupa. E para nós cristãos, cujo Deus fala e quer se relacionar conosco? Um Deus que deixou um livro escrito com tudo o que precisamos saber para viver a melhor vida? 
Estudar a Palavra de Deus é um convite que eu faço a todos. Não leia apenas, mas vá mais fundo no oceado que é a Palavra de Deus. Quem já mergulhou sabe disso: é diferente ver o mar da praia e ver o interior do mar no mergulho. Ver o mar aberto, um oceano azul já é maravilhoso, mas ver o que há dentro do mar é ainda mais fascinante. Procure saber mais sobre aquilo que está lendo na Bíblia, pergunte, procure alguém que te ensine, leia livros a respeito, tente sugar ao máximo aquilo que Deus tem revelado a você.
4. Quer ter prazer na Palavra de Deus? Então, memorize a Palavra!
Sabe aquele exercício que fazíamos em todos os acampamentos? Decorar versículos antes de comer? Essa é uma prática de alguns judeus. Eles devem decorar parte da torah para poderem participar das refeições. Ainda que achemos que essa prática não tem nada a ver conosco hoje, é muito importante termos um hábito de memorizar versículos da Bíblia. Dawson Troman disse assim: “A melhor maneira de lembrar a Palavra de Deus por um período prolongado é investir tempo memorizando versículos”.
Memorizar, decorar significa “saber de coração”. É justamente isso que o Salmo 119 diz no versículo 9~11: “Como pode um jovem manter pura a sua conduta? Vivendo de acordo com a Tua Palavra. Eu te busco de todo coração; não permitas que eu me desvie dos teus mandamentos. Guardei no coração a tua Palavra para não pecar contra ti”.
5. Quer ter prazer na Palavra de Deus? Então, medite na Palavra!
Se estudar a Bíblia significa prioritariamente entender bem o que a Bíblia mesmo quer nos dizer, meditar está relacionado a aplicar a Palavra de Deus em nossas vidas. 
“Como é feliz aquele que não segue o conselho dos ímpios, não imita a conduta dos pecadores, nem se assenta na roda dos zombadores! Ao contrário, sua satisfação está na lei do SENHOR, e nessa lei medita de dia e de noite” (Sl 1:1). 
Novamente chegamos nessa palavra: Prazer!
Prazer nós experimentamos. A Palavra de Deus só se traduzirá em prazer quando pudermos viver o cumprimento de cada promessa, de cada mensagem, de cada ensino que a Bíblia tem a nos revelar todos os dias. 
Podemos ser como pessoas a descrever um prato farto de feijoada, descrevendo todas as suas propriedades nutricionais, sua beleza, seu sabor, nem nunca ter experimentado o prato. Mas quando provamos, nosso testemunho se torna real, vibrante! Existem pessoas que investem a vida inteira para estudar profissionalmente a Bíblia: são os teólogos. Mas mesmo que eu seja o mais renomado teólogo, posso não ter prazer na Palavra de Deus, porquanto essa Palavra não se traduziu um vida e experiência dentro de mim. Mas posso ser a pessoa mais humilde, que tem dificuldade até de ler, mas ter um prazer imenso na Palavra de Deus.
Meditar não é só pensar, é tirar da cabeça e colocar em prática: todo dia, toda hora, e por isso, “medita de dia e de noite”.

1 comentários:

  1. Muito maravilhoso!!!!!!!!!! Amei!!!!!!!!!!!!!!!!!!!